Noticias | 26 Fevereiro 2019

Fidelizar o Talento – Talentia Software tem sete propostas para as empresas

fidelizar o talento-min

Recrutar colaboradores é apenas o primeiro passo de um processo complexo e importante para qualquer empresa que é formar uma equipa competente. Hoje mais do que nunca não basta oferecer um conjunto de condições e regalias para manter e fidelizar o talento dos seus colaboradores. É nesse sentido que a Talentia Software desenvolveu um conjunto de propostas para apoiar os departamentos de RH a fidelizar o talento nas suas empresas.

Tudo começa pela satisfação com o trabalho

Tudo começa pelo diálogo, os gestores devem concentrar-se em estabelecer e manter um diálogo aberto com os seus colaboradores, tentando entender nesta troca de ideias quais são os objetivos e as aspirações profissionais que eles têm. Recusar-se a conhecer as ambições profissionais dos seus colaboradores terá um impacto muito negativo na capacidade de encontrar oportunidades que se ajustem a eles e a rotatividade é bastante dispendiosa, não só em termos monetários, como também em termos menos tangíveis, como o conhecimento perdido com um funcionário que decide sair. Estudos mostram que em média são precisos mais de seis meses para treinar um novo funcionário até que ele atinja um nível básico de produtividade. Naturalmente, uma elevada rotatividade de colaboradores também tem um impacto negativo ao nível da produtividade e na sobrecarga para a restante equipa.

Então o que podemos fazer para fidelizar o talento?

Transparência com esperanças e expectativas – Todos os colaboradores devem saber exatamente o que a empresa espera deles, e o que o seu trabalho envolve. Isto não significa que as responsabilidades e obrigações não possam ser alteradas ao longo da sua carreira profissional, mas toda e qualquer mudança deve ser comunicada de forma direta, clara e transparente. Regra geral todos os colaboradores querem satisfazer as suas expectativas profissionais, mas para isso acontecer precisam de saber o que devem fazer para alcançar determinado resultado.

Respeito, reconhecimento e recompensa – Os benefícios monetários são sempre um grande incentivo, mas não é tudo. O respeito e o reconhecimento estão no topo de qualquer consideração para qualquer talento e para que tal esteja presente diariamente os gestores devem valorizar e respeitar os seus colaboradores pela excelência do seu trabalho. Valorizados e respeitados mais facilmente vão sentir que fazem parte do projeto e que estão a contribuir positivamente para a empresa com o seu esforço.

Criação de um ambiente de trabalho confortável e honesto – Permita e incentive os seus colaboradores a falar abertamente e honestamente sobre a empresa e o que acontece diariamente nela. Ouça as suas ideias, sugestões e preocupações sobre o trabalho. Desta forma estará a fomentar um grau de transparência que permitirá que todos saibam qual o momento da vida da empresa em que vivem.

Análise de desempenho – Uma análise cuidadosa e frequente do desempenho do colaborador envia uma mensagem clara: a empresa está preocupada com a sua carreira. É muito importante discutir os objetivos de cada carreira profissional e as aspirações e expectativas a ela associadas, para deixar claro que há oportunidades para crescer e progredir. Este tipo de monitorização de desempenho também é uma ótima oportunidade para analisar a satisfação do colaborador a longo prazo. A principal preocupação deve ser entender os motivos que os levaram a permanecer na empresa, bem como avaliar o grau de satisfação, tanto individual quanto ao nível de equipa. As respostas deste tipo de perfis – os colaboradores mais veteranos – podem ajudar a melhorar as estratégias de retenção de talento.

Confie nos seus funcionários – Encorajar a assumir mais responsabilidades, ajudar e guiar os seus colaboradores nas suas tarefas diárias trará mais benefícios na relação entre empresa e colaborador. O objetivo passa por criar um equilíbrio entre o controlo e a independência que eles precisam para realizar o seu trabalho de forma satisfatória.

Apoio ao desenvolvimento pessoal – Isto ajuda a aumentar o talento que tem a sua empresa, fornecendo os recursos, as ferramentas e a formação necessária para obter novas habilitações profissionais. Opções flexíveis de aprendizagem serão uma forma de garantir que os recursos para o desenvolvimento pessoal e profissional sejam igualmente acessíveis a toda a equipa de trabalho.

Recrute “em casa” – As organizações que priorizam a promoção interna tendem a criar colaboradores mais motivados. Sempre que existirem vagas no organograma da empresa, informe os seus colaboradores que a empresa levará em conta, preferencialmente, os perfis que já estão na equipa para preencher o cargo. A promoção interna traz benefícios para ambas as partes: incentiva o cultivo de oportunidades e desafios profissionais para os seus funcionários e permite economizar custos de recrutamento e formação.

webinar Talento

CONVITE WEBINAR:

“Como gerir com êxito o processo de Onboarding através da tecnología” 7 de Março –

INCREVER-SE